A importância da prova de conceito

Uma prova de conceito ou PoC, é uma pesquisa com o objetivo de confirmar a viabilidade de uma idéia teórica colocando-a em prática. Para uma idéia sair do papel e ser implementada é necessário justificar seu orçamento e comprovar sua funcionalidade. Dessa forma, um PoC pode auxiliar na viabilização do projeto como um todo. É importante notar que teoricamente um PoC não inclui a fabricação do primeiro protótipo, seu objetivo é unicamente de demonstrar que o projeto é factível. Podendo ter um adendo posterior no qual é construído um primeiro protótipo.

As fábricas têm se especializado cada vez mais em seus produtos, possuindo colaboradores e equipamentos habilitados para seus processos particulares. Mesmo grandes empresas que possuem setores de inovação, não podem possuir pessoas especializadas em certos tipos de tecnologia. Por outro lado, temos empresas e startups especializadas em tecnologias como internet das coisas, Inteligência artificial, visão computacional, realidade virtual, realidade aumentada e outros. Assim o lacuna é preenchido, no qual a fábrica possui expertise em seu processo de manufatura e como startups em tecnologia.

Os benefícios da prova de conceito em desenvolvimento de software são:

Confiabilidade na idéia, com a PoC é possível aumentar a confiabilidade interna para investimentos na solução final, podendo ser demonstrada estatisticamente a funcionalidade do software. Aumentando a motivação da equipe de engenharia e auxilia na tomada de decisão final.

Controle de custos e riscosA empresa, iniciar um PoC é uma forma de organizar investimentos e tempo em inovação, diminuindo o gasto excessivo de dinheiro e tempo em soluções que não podem ser operacionais.

Customização específicaA empresa desenvolveu um PoC que lhe traz a oportunidade de testar uma tecnologia com seus produtos em seus requisitos, criando uma solução treinada e validada com seu padrão de exigência. Não havendo necessidade de adequação ou estudo posterior com seu ambiente fabril.

Deixar uma resposta